FAQ – Projetos de Verão 2013

4 de setembro de 2012 1:05

1)   Onde e quando serão os Projetos de Verão 2013?

Nosso projetos acontecerão em Cabo Verde, Itália, e mais duas cidades brasileiras (ainda em definição).  Eles acontecerão de 5 de janeiro a 3 de fevereiro de 2013.

2)   Quem decide onde serão realizados os projetos?

O Alfa e Ômega tem uma Equipe Nacional (tipo de diretoria), desta equipe participam pessoas que tem responsabilidades específicas.  A diretora de Expansão, atualmente eu, apresenta para esta equipe opções de cidades e países a luz do planejamento estratégico nacional.  Esta equipe decide onde os projetos acontecerão.

3)   Como a data do projeto é decidida?

Já houve um tempo em que tivesmo projetos em fevereiro, mas nossa experiência comprovou que o melhor mês para os projetos acontecerem é janeiro.  Fatores determinantes: a) universidades particulares tem começado as aulas em fevereiro; b) o carnavel frequentemente cai no mês de fevereiro; c) os missionários precisam de férias após o projeto e estas não podem ser em março, tempo “quente” no campus; d) ter um mês padrão faz com que estudantes que trabalham ou mesmo ex-estudantes, tenham oportunidade de planejar suas férias antecipadamente para participar do projeto.

4)   Não seria o caso de uma mudança na data por conta da greve das universidades federais?

De fato esta greve é um fator complicador este ano, mas os 4 motivos apresentado acima permanecem relevantes para que mantenhamos nossa posição.  Além disso, universidades estaduais e particulares não tiveram greve,  e mesmo entre as federais que pararam, não é verdade que haverá aulas em janeiro em todas elas.    Outro ponto é que janeiro é o mês perfeito para Cabo Verde e Itália receberem os projetos e, presumindo que vamos realizar projetos em universidades que terão aulas em janeiro, elas provavelmente estarão encerrando o período em fevereiro.  A experiência de levar um projeto para uma universidade em fim de período nunca foi a melhor para nós.

5)   Então não há nenhuma chance da data dos projetos mudar?

Qualquer estudante que tenha andado um tempinho já conosco pode atestar como podemos ser flexíveis.  Deus está falando conosco o tempo todo e procuramos agir de acordo com a Sua vontade. Também confiamos que é Ele quem tem nos dado sabedoria e aprendemos com as experiências passadas.   Já realizamos 29 projetos missionários, não começamos nisso agora.   Como disse, já houve um tempo que realizmos projetos em fevereiro e até em março e depois mudamos isso.  Se durante a nossa caminhada houver um motivo que realmente  se apresente preponderante para uma mudança, vamos mudar.  Por enquanto, qualquer vantagem apresentada em mudar a data dos projetos de 2013 provoca mais problemas do que benefícios.


6)  
Afinal, onde vai acontecer o Projeto Nacional?

Justamente porque somos flexíveis, ainda não tomamos esta decisão.    Os projetos nacionais, sim, teremos dois projetos nacionais no próximo ano, acontecerão em cidades onde haverá aula.  Mas mesmo com o fim da greve em muitas universidades, ainda aguardamos pela divulgação do calendário de aulas da maioria.  O que posso adiantar é que temos em mente cidades estratégicas de acordo com nosso planejamento para alcançar o Brasil.

7)   As cidades dos projetos nacionais serão divulgadas antes do dia 21 de setembro, prazo para envio do formulário?

É possível, mas não posso garantir.  Se isso não acontecer, você envia o formulário e quando as 2 cidades forem divulgadas você terá oportunidade de manifestar a sua preferência.  Mas o fato é que essa data limite para inscrição precisa ser cumprida para não prejudicar o planejamento prévio dos projetos.

8)   Eu não falo italiano, posso ir para o Projeto Itália?

Pode. Este ano atestamos que não falar italiano, ou mesmo inglês não é um impeditivo para participar do Projeto Itália.

9)   É verdade que o Projeto Itália será um projeto sem missionários?

Não.  O Projeto Itália 2013 será liderado pelos missionários Junior e Pricila que trabalham com a igreja de Mântova e que tem uma ampla experiência com o Alfa e Ômega e que formarão equipe com dois estudantes líderes.  Além disso, a Itália tem movimento estudantil que lá se chama Agape, e eles cooperarão conosco.  O que é verdade é que nenhum missionário do Brasil vai ao projeto do próximo ano lá porque, como este ano estamos enviando 2 projetos a mais, e temos plena confiança na equipe que já está na Itália, decidimos concentrar nossos recursos entre Cabo Verde e os nacionais.

10)  Nunca participei de um projeto nacional, posso ir para um projeto internacional?

Dadas as características dos projetos internacionais, nós só recebemos inscrições de estudantes que já tenham participado de um projeto nacional.

11)  É necessário visto para a Itália ou Cabo Verde?

Não.

12) Já participei de um projeto nacional e agora gostaria muito de trabalhar na equipe, como eu faço?

Se esse é o seu caso, basta escrever a caneta, na página da frente do formulário “Gostaria de trabalhar na equipe”.  Todos os estudantes que participaram de um projeto nacional podem integrar a Equipe de um outro projeto, mas isso não é automático.   Sua participação na equipe dependerá de vagas na Equipe e também de como foi o seu aproveitamento no projeto anterior.  Quem não for selecionado para equipe poderá participar novamente do projeto como estudante.

13) Quem vai ler o meu formulário?

Os formulários enviados por rapazes são lidos por um missionário homem, e formulários enviados por moças são lidos por uma missionária mulher.  Além disso, os formulários são guardados debaixo de muito cuidado para preservar a intimidade de quem está aplicando.

14) Posso imprimir o formulário e preencher a caneta?

No passado tivemos dificuldades para entender a letra de alguns estudantes, por isso e também para limitarmos o tamanho das respostas, garantindo assim maior clareza e objetividade é que introduzimos o formulário na forma de um pdf editável.  Isso quer dizer que você deve preenche-lo no computador e só depois imprimir para enviar.

15)  Eu terei aula o mês todo ou em parte do mês de janeiro.  Devo matar aula para ir para o projeto?

Você deve obedecer a voz de Deus.  Estudantes matam aulas por diversos motivos, então matar aula para ir a um projeto missionário é mais um motivo que pode entrar nesta longa lista.  Mas você só deve fazer isso se entender que Deus está direcionando para ir a um projeto.

16)  Se eu matar aula “Deus vai me honrar” fazendo com que eu seja aprovado e tire as melhores da minha vida?

Não há regras para isso.  E o melhor é não fazer esse tipo de barganha com Deus.  Especialmente se você está pendurado numa cadeira, não pense que ir para um projeto vai produzir o “milagre da aprovação” porque não vai.  O que temos visto é a experiência de estudantes que ralam muito antes e depois de um projeto para garantir que as aulas perdidas não comprometam seu desempenho.  Alguns lograram êxito com incrível facilidade, outros não foram tão bem, alguns perderam uma cadeira.  A única coisa certa é que se você ouve a voz de Deus e decide obedecê-lo independente das circunstâncias, você vai ter experiências com Deus que são reservadas apenas a quem obedece e vai experimentar a Sua paz e fidelidade.

17)  É muito dinheiro, não sei como fazer para conseguir.

 Poucos estudantes vão a um projeto por conta de  “paitrocinadores” (com os pais bancando), a maioria economiza dinheiro de estágio ou trabalho, vende coisas, e levanta sustento.  Se você não tem dinheiro, não se preocupe, Deus tem.  Apenas tenha certeza que está indo debaixo do chamado Dele que tudo vai dá certo, e nós também vamos lhe ensinar o caminho das pedras. “Para a obra de Deus, realizada debaixo das vontade de Deus, nunca faltarão os recursos de Deus”.

18) O que está incluído no preço dos projetos?

O valor que você vai pagar pelos projetos contempla hospedagem, alimentação, materiais e os passeios nos momentos de folga.  As passagens para projetos nacioanis não estão incluídas, mas você poderá levantar o valor delas junto com o valor do projeto.  As passagens para Itália e Cabo Verde estão incluídas, mas apenas o trecho internacional,  isso significa que se você mora numa cidade, mas o voo internacional partir de outra, e o trecho doméstico não estiver vínculado, você deverá levantar a parte o valor da passagem até a cidade onde parte o vôo internacional.

19) Quando eu devo pagar o projeto?

O pagamento dos projetos deverá ser feito em parcelas através de depósitos na conta corrente da Cruzada Estudantil.  A última parcela terá o vencimento antes do início do projeto.  Se por algum motivo você não conseguir depositar a parcela na data agendada, o valor daquela parcela vai acumular para a próxima data.  Há também a opção de pagar a vista, mas sempre antes do início do projeto.  Assim que você for aceito no projeto receberá instruções detalhadas sobre o pagamento.

20)  Posso participar de apenas alguns dias do projeto?

Aqueles que não podem dispor dos 30 dias para participar de um projeto deverão apontar isso no formulário de inscrição.  Os diretores irão analisar a viabilidade da sua participação.

21) Quem não é estudante pode participar de um projeto?

Sim, qualquer pessoa pode inscrever-se para um projeto, mas a aceitação vai depender das vagas disponíveis.


22)  Até quando eu posso enviar meu formulário de inscrição?

Quem está enviando para Itália e Cabo Verde deve enviar até dia 08/09.  Já quem está enviando para os nacionais tem um pouquinho mais de tempo, até dia 21/09.
23) Se eu perder o prazo de envio do formulário não tenho mais chance de participar?

Você pode enviar seu formulário atrasado, mas esteja ciente que as vagas são distribuídas prioritariamente para aqueles que cumprirem o prazo estipulado.

 

24) E quando eu saberei se fui aceito num projeto?

 

Após o encerramento das inscrições será divulgada a data em que sairá as respostas para cada projeto.

 

 

2 Comments

  • Daniel Queiroz

    Meu primeiro projeto missionário. Meu objetivo é ganhar experiências com Deus, conhecer pessoas maravilhosas e juntos aprendermos na prática e na teoria o que Deus tem para todos nós. Sou grato por todos que estão organizando esse projeto. Estou orando por vocês. Um grande abraço e Deus vai abrir o caminho…

  • Eu estou impactado com a possibilidade de participar de outro projeto da Cruzada em Cabo Verde,estava planejando ir ainda lá esta ano;mais diante desta nova possibilidade vou adiar para janeiro próximo e me preparar melhor,quero ser servir ao senhor e este projeto será uma ótima oportunidade para um reavivamento pessoal;” Estou precisando”ser mais incisivo no meu evangelismo pessoal.chegou o tempo da maturidade e sei que posso produzir mais e melhor desta vez;espero ser aceito junto dos queridos de novo.paz do senhor.

Deixe o seu comentário

obrigatório

obrigatório

opcional