Fim que não vai ter fim

Olá pessoa! Viemos então apresentar nossa ultima postagem sobre o Projeto Juiz de Fora. Nossa equipe já retornou pra casa, e isso já faz um pouco mais de uma semana. Todos estão de volta às suas rotinas mas as lembranças dos dias vividos na UFJF continuam vivas e nos transformando de maneira incrível.
Na ultima semana tivemos experiências diversas de evangelismo. Conecta, Escolhas da Vida, enfim, cada um usava o que achava melhor pra iniciar um bate papo sobre assuntos espirituais. A cada dia percebíamos que aquele campus estava cheio de pessoas sedentas. Pessoas que estavam em busca de algo, porém não sabiam muito bem o quê. Somos gratos por termos podido chegar até estas pessoas e fazê-las pensar um pouco mais sobre esta busca. E mais gratos ainda somos por termos dito que há Alguém que aguarda, de braços bem abertos, ser encontrado por elas.
IMG_3690
Ao longo da semana planejamos um ultimo evento na universidade: um Quebra-Gelo. Em nosso movimento costumamos ter reuniões semanais em cada universidade, e chamamos tais encontros de Quebra-Gelo. Estávamos cheios de ideias e expectativas de encontrar neste evento pessoas com as quais havíamos conversado nos evangelismos.
Passamos boa parte do projeto tendo dias bem quentes e claros, o que foi ótimo para as nossas abordagens. Porém, no nosso penúltimo dia de campus, ao cair da noite, começou a chover. Ficamos um pouco preocupado, pois o evento seria logo na sexta-feira, ultimo dia no campus, e em um gramado. No entanto, ao nascer da manhã, o tempo permaneceu quente. Convidamos alguns estudantes para se juntarem a nos no evento e tivemos a presença de alguns estudantes que abordamos ao longo do projeto, e claro, a presença maravilhosa dos integrantes da Aliança bíblica Universitária (ABU). No Quebra-Gelo usamos musicas populares para abordar nossa temática, a qual foi: “como você aproveita sua vida no campus?”. Além da música, tivemos interpretação de textos que falavam um pouco de diferentes perfis de estudantes e como eles aproveitam seu tempo de faculdade. A reunião estava chegando perto do fim quando subitamente os céus se escureceram e todos ficamos com cara de assustados: ” e agora, José?”. Terminando aquele tempo, corremos todos para uma concha acústica, e…. A chuva caiu com todo sei peso.
IMG_3702Ficamos ali por um bom tempo. Oramos, comemos, rimos, cantamos… Apareceram ali também outras pessoas que tinham ido se refugiar da chuva. Dentre eles um rapaz estrangeiro, que ao ouvir o som do violão sendo tocado pelo pastor da igreja Bola de Neve, correu pra perto dele e começou a tirar musicas daquelas cordas. E num é que o rapaz tocou também diversas musicas do Oficina G3? Aquelas canções embalaram nosso tempo ali. Os acordes e o vibrar do cajon casavam-se com as vozes de uma juventude que escolheu viver para o Deus vivo e doar a ele a vida, o vigor, tudo, pra que outros pudessem viver.

IMG_3703Enquanto isto, alguns estudantes (Mayara, Caio e Lucas) evangelizavam um grupo de adolescentes, os quais oraram recebendo a Cristo. Foi um fim de dia no campus inimaginável. Deus faz coisas que vão muito mais além do nosso planejamento; O louvamos por isto!

Desta forma o projeto se encerra. Agradecemos muito a Deus pela ABU, pela vida de cada um. Nossa amiga Sarah Carvalho (Artes – UFJF), é integrante da ABU e deixou uma mensagem que gostaríamos de compartilhar com vocês:

“Bem, acompanhar o Alfa e Ômega no evangelismo foi ótimo! Eu me encantei com o jogo Conecta e a forma como vocês falam das 4 leis. A Rebecca é maravilhosa, e, por mais que eu tenha evangelizado com outras pessoas, o modo como ela me ensinou a explicar as 4 leis foi muito bom, eu nunca tinha ouvido daquela forma, até brinquei com ela que eu queria ter me convertido daquele jeito. Amei todas as amizades que fiz, as pessoas são muito abertas a amar o próximo, eu me encantei com isso, nelas. Na UFJF, como em toda universidade, tem muita gente que não acredita em Deus, ou ao menos, não sabe o que pensar sobre isso e, mesmo com essas pessoas, a conversa foi muito proveitosa, eles sempre se mostravam abertos a conversar. Falamos com um menino que já vinha pensado em sua espiritualidade no dia anterior e, ele só não aceitou a Cristo porque não se sentiu a vontade pra isso na hora, mas ele amou conversar com a gente, parece que ele precisava disso. Também gostei muito de ter conversado com um casal de amigos que, apesar do menino ser também ateu, ele gostou muito da gente. Agora toda vez que olho pra essas pessoas que a gente encontrou, eu olho com um amor muito grande no coração. Realmente obrigada por me deixar fazer parte dessa experiência, vocês foram muito importantes pra nós! Ajudaram imensamente a ABU em vários quesitos, principalmente nesse, de ter mais contato direto com as pessoas. Esse contato é o que nos traz o amor ao próximo e, por mais que isso não seja natural da gente, faz muito bem sentir. Continuem assim, talvez não agindo sempre da mesma forma, pois ela pode mudar um dia, mas propagando o mesmo conteúdo!”
 
1522238_739024252776381_763426442_n
Saímos da UFJF, mas o que aconteceu ali não vai ter fim. Não vai ter fim na vida de cada um que foi abordado por nós. Não vai ter fim em nossas vidas, pois Deus nos moldou com cada experiência e cada palavra sobre sua Graça a nós, os maltrapilhos. Não vai acabar na vida de cada um daqueles ABUenses, que nos encantaram por serem tão abertos e tão dispostos a servir ao Senhor. Enfim, poderíamos dizer mil coisas aqui, sobre o quão maravilhosa foi esta experiência, mas decidimos deixar você conferir o nosso vídeo oficial e se encantar também.

Que Deus abençoe cada um de vocês e obrigado por nos acompanharem.

Até a próxima, sô!

Acabou mas ainda não é o fim

daff

O projeto Juiz de Fora acabou… Mas ainda precisamos falar muita coisa do que aconteceu. Já nos desculpando pelo atraso – ficar sem uma boa internet não é mole! – vamos falar ainda sobre o fim da nossa primeira semana, nas quais muitas coisas maravilhosas aconteceram. Muitos estudantes foram abordados por nossa equipe, a participação dos estudantes da ABU estava sendo maravilhosa, tivemos um sarau no campus, Deus sempre sendo incrível suprindo cada necessidade e nos oferecendo o apoio da igreja Bola de Neve… É tanta coisa boa! Pra falar um pouco destas experiências, vos apresentamos as palavras de Débora Silva (Pedagogia/UECE):

“Em uma das tardes que saímos pela UFJF para evangelizar, passando pelos corredores do curso de Farmácia. Fomos surpreendidos ao ver uma sala cheia de estudantes. Eles estavam esperando a aula começar e nós procurávamos pessoas com quem pudéssemos falar sobre Jesus. A princípio nosso grupo estava com receio de entrar na sala e ouvir um “não” de primeira. Mas, depois de um tempo pensando no que poderia ser falado, nós entramos. Tínhamos pouco tempo, muita gente e uma mensagem precisava ser transmitida. Pra que todos pudessem participar da conversa, escolhemos usar o jogo “Escolhas da Vida”. A partir desse jogo, nosso grupo incentivou aqueles estudantes a pensarem em suas escolhas, e até mesmo a pensarem se Jesus é uma delas. A conversa foi interrompida por conta do início da aula, mas a nossa surpresa veio depois: um estudante que já havia sido abordado por outros de nós anteriormente postou na página de Facebook do diretório acadêmico do seu curso algo sobre o que tinhamos feito naquela sala. Foi muito edificante e lindo de ver como Deus pode tocar as pessoas para o cumprimento do Seu propósito. Minha oração é que o Senhor nos dê mais disposição, fé e ousadia para falar do Seu amor às pessoas que precisam. Afinal, nossa disposição tornou diferente a tarde daqueles estudantes, pois eles ouviram falar de um Deus que os ama incondicionalmente.” (Débora Silva – Pedagogia/UECE)

DSCN1416

No domingo (12/01), as equipantes Débora (Pedagogia/UECE) e Danusa (Psicologia/UFF) deram um treinamento de Evangelismo para os irmãos da Igreja Bola de Neve em Juiz de Fora e amigos da Aliança Bíblica Universitária. É maravilhoso ver cristãos tão abertos a aprender sobre outras formas de compartilhar o Evangelho e que desejam que isto seja realidade em suas rotinas.

DSCN1425

No próximo post falaremos sobre a última semana no campus e as surpresas maravilhosas que Deus reservou para a gente.

Impactos no campus

DSCN0532 - Cópia

        Viemos narrar um pouco sobre semana passada na UFJF. Deus tem feito coisas que não imaginávamos. Muitos estudantes estão se abrindo para nossas conversas e isto tem impactado a vida deles. Podemos ver a forma como têm pensado sobre suas vidas espirituais, suas vidas, seus futuros, sua fé e conceitos. Quarta-feira foi mais um típico dia de evangelismo, mas no qual Deus nos deu experiências muito marcantes, como expressam as palavras da projetista Mayara Leal (Eng. Química /UFRRJ):

“Hoje foi um dia especial aqui no Campus. Estávamos orando e procurando por pessoas, para iniciarmos uma conversa espiritual no prédio de Letras, foi quando nos deparamos com uma menina sentada numa mesa na cantina, lendo seu livro. Ela era um pouco diferente, se vestia de uma camisa preta com desenho de anime, usava um batom vermelho e acessório de ’’rock’’, então pensamos ”vamos, ou não? ” e decidimos ir. Fizemos nossa abordagem com nosso jogo de fotos, o Conecta e para a nossa surpresa ela se mostrou muito receptiva a uma conversa espiritual e até mesmo pessoal. Contei meu testemunho pessoal através de uma seqüência de três fotos e demonstrei a ela como Jesus havia mudado a minha vida pra valer! Ela interagia no testemunho e se mostrou muito interessada em entender esse amor, o amor que salvou a minha vida e me salvou de sucumbir! Ela ansiava por uma resposta e, naquele dia, teria decidido ficar apenas mais quinze minutos na cantina, antes de ir embora para casa. E esse foi o tempo necessário para que nós chegássemos e, junto conosco, a resposta que ela tanto queria: o verdadeiro amor. Falamos para ela das quatro leis espirituais e ela, com alegria, orou conosco. Pegamos seu contato e desde então conversamos pela internet e por mensagens de texto no celular. Levamo-la para conhecer nosso grupo de amigos que vivem esse mesmo estilo de vida que havíamos apresentado a ela. Ela viu que aquilo era verdade, que aquilo estava acontecendo; algo tão novo! Ela está muito empolgada e isso nos enche de alegria, ver, no meio do Campus da UFJF, um fruto da onde ninguém imaginaria.”

1546174_700347556663268_921249247_n

        Na quinta-feira realizamos um sarau em frente ao prédio da Reitoria, em um enorme gramado onde muitas pessoas, estudantes ou não, costumam passar o tempo. Um varal de fotografias do Conecta chamou a atenção de uma menina que se aproximou e disse que iria publicar algo sobre nosso sarau. Músicas populares nacionais, fotos, poesias, esquete. Contamos com a preciosa ajuda da ABU para finalizar nossos preparativos daquele fim de tarde artístico. Conseguimos reunir um grupo de pessoas ao nosso redor, incluindo amigos da ABU e pessoas que foram convidadas por nós ali no gramado. Foi muito divertido! Ao fim estávamos em clima de confraternização e cada vez mais certos de que Deus quer impactar corações naquele lugar. Ficamos sabendo que aquela menina havia publicado uma foto de nosso sarau na fanpage oficial da universidade. Ficamos muito alegres com isto! De alguma forma as pessoas agora percebem nossa presença no campus e que Deus está agindo. Creio que estes são indícios de impactos no campus, impactos em vidas. Aguardem as próximas postagens, pois falaremos mais sobre o que Deus realizou neste fim de semana.
E vambora, uai!

Fotos, vidas e graça

 DSCN0507 - Cópia

      O  projeto mal se iniciou e muita coisa já aconteceu. Neste último domingo nossa equipe começou a chegar na cidade de Juiz de Fora/MG, com grande animação e desejo de servir a Deus participando desta jornada. Ao total, somos quatorze equipantes, vindos de Belém, Espírito Santo, Fortaleza e Rio de Janeiro. Nossa rotina é preenchida com devocionais, tempo a sós com Deus, momentos de oração, planejamentos e momentos em que vamos para o campus – onde gastamos maior parte do nosso tempo.
Em nosso projeto cada estudante faz parte de uma área de atuação, sendo responsável pelas atividades relacionadas a tal área. Sendo assim, tivemos inicialmente na segunda-feira um tempo no qual cada grupo pôde discutir e planejar acerca das tarefas a serem realizadas por suas equipes. Nosso primeiro contato com a UFJF se deu ainda neste mesmo dia, quando realizamos uma caminhada de oração pelo campus à tarde e tivemos nossas primeiras impressões sobre sua estrutura e os estudantes. A UFJF é imensa. Os estudantes andam bem atarefados, cheios de provas e atividades em meio ao mês de janeiro por causa da última greve. A medida em que íamos explorando o campus, orávamos a Deus por corações receptivos, abertos para falar e ouvir o que tínhamos para compartilhar com elas; pelas vidas dos estudantes nesta rotina de final de semestre; e pelo manifestar dos cristãos presentes na UFJF. Orávamos também pra que pudéssemos achar lugares estratégicos no campus, pois planejamos realizar um evento especial nesta primeira semana. Neste projeto temos orado por uma parceria com a Aliança Bíblica Universitária (ABU) aqui na UFJF. Nosso desejo é que juntos possamos compartilhar o evangelho no campus e que assim eles possam dar continuidade ao nosso trabalho, regando as sementes plantadas e abrindo seus braços para receber os estudantes interessandos em interagir com outros que já caminham com Cristo. Os estudantes da ABU se organizaram para estar conosco durante estes dias de projeto e isto foi algo que alegrou muito nossos corações.
Na terça-feira se iniciou de fato a nossa rotina de projeto. Pela manhã refletimos sobre as palavras de Brennan Manning sobre a graça de Deus e seu amor incompreensível a partir do livro “O Evangelho Maltrapilho”. A cada novo dia podemos acordar e nos lembrar de que somos imperfeitos e que dependemos da graça de Deus, pois nossos próprios esforços não podem nos aperfeiçoar. Somente o amor de Deus pode fazê-lo, tornando-nos pessoas que vivem uma vida não de temor pela condenação mas sim uma vida cativada pelo amor verdadeiro. Somente quando contemplamos nossa escuridão, nossas mãos vazias, nossa insuficiência e pequenez é que Deus pode então nos edificar, tornando-nos servos melhores em sua obra, seguidores segundo o coração de Jesus. Após nossa reflexão pudemos compartilhar desta mensagem de graça com os estudantes da UFJF. Alguns com estilos bem alternativos, outros de aparência bem comum, muitos vindos de outras cidades, uns tímidos, outros abertos etc.
Tivemos conversas muito especiais usando uma ferramenta muito interessante: o Conecta – um conjunto de fotos com as quais os estudantes respondem perguntas que são feitas a eles, permitindo-nos criar uma conexão com os mesmos e assim iniciar uma conversa espiritual. Nos encantou ver os estudantes empolgados ao escolherem as fotos, falar sobre suas vivências e expor a forma como pensam sobre Deus e vida espiritual. Ao fim do dia, a sensação era de que agora conhecíamos um pouco melhor o campus, tendo trafegado por ele com o ônibus interno da cidade universitária e até mesmo almoçado no restaurante universitário.

Apesar das inseguranças iniciais, tivemos a oportunidade de conversar com os estudantes e fazê-los refletir sobre a possibilidade de um relacionamento pessoal com Cristo. Saímos muito feliz do campus neste dia! Que Deus continue abençoando nossa jornada pela UFJF e nos ajude a fazer parte daquilo que Ele já tem operado ali.

Projeto Juiz de Fora 2014

juiz post

Olá!

Anualmente, os estudantes envolvidos no Movimento Estudantil Alfa e Ômega costumam participar de projetos missionários – conhecidos como Projetos de Verão – doando assim trinta dias de suas férias para trabalhar em prol do cumprimento da Grande Comissão (Mateus 28:18-20).
E, neste ano, algo bem atípico está prestes a acontecer: um grupo de 13 estudantes em um projeto de apenas 15 dias, dirigido somente por estudantes. É com muito entusiasmo que apresentamos a vocês um dos dois projetos nacionais que acontecerão no Estado de Minas Gerais: o Projeto Juiz de Fora 2014!

Estar em um projeto dirigido apenas por estudantes é com certeza um desafio novo para cada um de nós. Cremos que Deus está à frente desta jornada e que Ele cuidará de todas as coisas tal que Seus propósitos ali em Juiz de Fora sejam atingidos. Este tempo será muito especial e cremos também que Deus nos proporcionará crescimento em diversas áreas de nossas vidas.

Nosso desejo é que Deus nos edifique a cada dia, aperfeiçoando-nos em seu amor e ajudando-nos ver em nós o que temos em mãos para oferecer a Ele e assim melhor serví-lO. Nossos corações desejam fazer parte do que Deus já está fazendo na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), e oramos pra que, através de nossas vidas, estudantes possam ter a oportunidade de pensarem sobre Deus e entender que é possível se relacionar de forma pessoal com Ele. Um projeto com cara de novo, nos proporcionando experiências novas e gerando novidade na vida de pessoas.

Junte-se a nós nesta jornada! Esteja orando por nossa equipe e fique ligado.

Que venha Juiz de Fora 2014!